Segunda, 19 de Abril de 2021 17:50
(67) 99607-2306
Região Gaeco

Operação que prendeu um em Dourados mira participantes de "Tribunais do Crime"

Além de Dourados, a operação mira membros que atuam nos municípios de Campo Grande, Ribas do Rio Pardo, Deodápolis, Fátima do Sul, Jateí, Caarapó e também no Estado do Ceará, praticando assassinatos, assaltos e tráfico de drogas ilícitas

11/02/2021 13h08
Por: Redação Fonte: Dourados News
Operação prendeu um em Dourados - Crédito: Osvaldo Duarte/ Dourados News
Operação prendeu um em Dourados - Crédito: Osvaldo Duarte/ Dourados News

Na manhã desta quinta-feira (11), o Gaeco (Grupo de Atuação Especial de Repressão ao Crime Organizado) deflagrou a Operação “Malleus” para dar cumprimento a 32 mandados de prisão preventiva e 14 de busca e apreensão, expedidos pela 1ª Vara de Criminal de Campo Grande.

Em Dourados, foi cumprido um mandado de prisão preventiva, no qual João Vitor Reis Moreira, 21, foi preso na antiga Rua W5 do Jardim Água Boa. Ele é acusado de integrar a organização criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC).

De acordo com informações policiais, parte dos alvos participa ativamente dos chamados “Tribunais do Crime”, que são conferências realizadas para aplicação de punições a membros faltosos ou a integrantes de facções rivais.

Além de Dourados, a operação mira membros que atuam nos municípios de Campo Grande, Ribas do Rio Pardo, Deodápolis, Fátima do Sul, Jateí, Caarapó e também no Estado do Ceará, praticando assassinatos, assaltos e tráfico de drogas ilícitas.

Inclusive, durante a operação desencadeada em Fátima do Sul, na manhã desta quinta-feira, Wanderson Santos de Jesus, vulgo Baiano, morreu durante confronto na Rua Nenevo Gratival, no Bairro Jardim Cavalcante. Encaminhado para o hospital, ele não resistiu aos ferimentos.

Foi apurado que, durante estas conferências, além de ter sido debatido o assassinato de um delegado de polícia e de policiais militares, integrantes da organização sequestraram e executaram uma jovem com golpes de picareta e com pedradas na cabeça.

O crime teria sido determinado por um dos alvos das ordens de prisão da Operação por acreditar que ela poderia fazer parte do Comando Vermelho.

A Operação foi desencadeada pelo Ministério Público de Mato Grosso do Sul, representado pelo Gaeco, com o apoio da Diretoria de Inteligência da Polícia Militar, do Batalhão de Choque e do Batalhão de Operações Especiais da Polícia Militar de Mato Grosso do Sul.

Operação “Malleus”

O nome de “Malleus” é em referência ao manual inquisitorial que previa formas de inquirição e castigos corporais severos, espécie de bíblia da caça às bruxas.

*Foto interna/Ribeiro Junior: Local onde ocorreu o confronto em Fátima do Sul.

*Fotos galeria/ Osvaldo Duarte: Indivíduo preso pelo Gaeco em Dourados.

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Dourados - MS
Atualizado às 18h32 - Fonte: Climatempo
28°
Poucas nuvens

Mín. 18° Máx. 31°

27° Sensação
7.6 km/h Vento
28.1% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (20/04)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 19° Máx. 32°

Sol com algumas nuvens
Quarta (21/04)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 18° Máx. 33°

Sol com algumas nuvens
Anúncio
Anúncio