Sicredi
Eliton - Diego Farma & Farma
Deodápolis
Após registrar Boletim de Ocorrência, Victor Hugo, Diretor de Habitação, explica denuncia de sites
Ele também é pastor em Deodápolis e afirmou que as informações foram postadas com o único intuito de ‘atacar’ a administração publica
08/04/2019 17h30
Por: Redação
Fonte: Impacto News
619

“É muita maldade misturada com leviandade!”. É com este titulo que o Diretor de Habitação da Cidade de Deodápolis, Victor Hugo, se defendeu neste final de semana no Facebook contra uma matéria que foi publicada por alguns sites que o acusaram de estar usando o cargo para ameaçar famílias no município que estejam com prestações de residências populares em atraso. 

A matéria em questão diz que “Réu por 'balão' em terras cuida de moradias de prefeitura”. Antes de postar suas considerações no Facebook o Diretor procurou a Delegacia de Policias e registrou um Boletim de Ocorrências por conta da matéria que foi produzida, segundo ele, para atacar a administração publica municipal. 

Victor disse que financiou uma casa particular junto ao Banco Santander, porém por questões pessoais não conseguiu dar sequência aos pagamentos. Naquela época ele devolveu a casa mediante a um acordo que foi feito com o acompanhamento da justiça. Sobre o titulo de ‘balão em terras’ Victor disse que nunca comprou nenhuma parcela de terra e que nunca deu ‘balão’ em ninguém. 

“Qual o objetivo desta matéria? Mentiram em diversos pontos e acredito que o único objetivo foi atacar a administração municipal. Que a justiça seja feita. Não devo pra ninguém. Tenho o nome limpo e durmo de consciência tranquila. Talvez isso aliado ao trabalho que tenho desenvolvido incomode a oposição!” relatou o Diretor. Segundo Victor o município de Deodápolis possui em torno de 148 casas de projetos populares com divida em aberto. Quando ele assumiu o Departamento de Habitação, somente 5 unidades pagavam. A informação foi obtida através de relatório da AGEHAB. 

“Tinha casas abandonadas e 95% das famílias estavam inadimplentes com a AGEHAB. Hoje, mais de 50% já estão colocando sua situação em dia e com isso conquistamos agora para este ano dois novos projetos habitacional que irá beneficiar mais de 40 famílias. Isso é graça as parcelas pagas pelos tais ‘cobrados pressionados’ citados nos sites. Em 1 ano entregamos mais de 100 escrituras para quem tinham suas casas quitadas realizando o sonho destas comunidades!” ressaltou. 

Victor ainda repudiou os sites que citaram o nome da Igreja Batista Nacional no qual o mesmo é pastor. “Quando ao nome da minha igreja que foi colocado, eles já tinham sido informados por mim sobre este assunto a mais de 2 anos!”.

VEJA ABAIXO A POSTAGEM NO FACEBOOK

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários