Sexta, 15 de Outubro de 2021
28°

Pancada de chuva

Deodápolis - MS

Coronavírus Pandemia

MS ultrapassa sete mil óbitos e criança de 2 anos é uma das vítimas recentes

O número de internados no Estado continua crescente. Atualmente, 1.303 pessoas estão hospitalizadas em MS, sendo 761 em leitos clínicos e 542 em UTI (Unidade de Terapia Intensiva), desses, 978 estão em unidades públicas e 325 na rede privada de saúde

04/06/2021 às 12h30
Por: Redação Fonte: Dourados News
Compartilhe:
Dourados soma 532 óbitos - Crédito: Hedio Fazan/Dourados News/Arquivo
Dourados soma 532 óbitos - Crédito: Hedio Fazan/Dourados News/Arquivo

Na manhã desta sexta-feira (4), a Secretaria de Estado de Saúde (SES) informou que Mato Grosso do Sul chegou a 7.032 óbitos por coronavírus, 55 registrados no último boletim epidemiológico. Em apenas quatro dias, junho já soma 100 mortes em decorrência da doença.

Entre os últimos pacientes que evoluíram a óbito está uma criança do sexo masculino, moradora de Chapadão do Sul, de apenas dois anos. O caso foi notificado no dia 27/05/2021 e o óbito ocorreu nesta quarta-feira (2). De acordo com a SES, o menino não tinha nenhuma comorbidade relatada.

Os demais óbitos foram de Campo Grande (21), Ponta Porã (3), Naviraí (3), Ponta Porã (3), Corumbá (2), Maracaju (2), Chapadão do Sul (2), Caarapó (2), Dourados (2) e Três Lagoas (2).

Somou um óbito cada: Coxim, Rio Brilhante, Nova Andradina, Porto Murtinho, Iguatemi, Fátima do Sul, Ivinhema, Sete Quedas, Bonito, Jardim, Nova Alvorada do Sul, Itaquiraí e Amambai. 

Além disso, foram confirmados mais 768 casos de Covid-19 no Estado, totalizando 298.091, desses, 268.375 são considerados recuperados e 21.381 são orientados a permanecerem em isolamento domiciliar para tratamento e evitar a propagação do vírus.

O número de internados no Estado continua crescente. Atualmente, 1.303 pessoas estão hospitalizadas em MS, sendo 761 em leitos clínicos e 542 em UTI (Unidade de Terapia Intensiva), desses, 978 estão em unidades públicas e 325 na rede privada de saúde.

A macrorregião de Campo Grande é a mais afetada com ocupação de leitos de UTI/SUS, um total de 107%, seguida pelas macrorregiões de Corumbá (100%), Dourados (94%) e Três Lagoas (84%). O cálculo é feito a partir de leitos ocupados com casos positivos, suspeitos e “Não Covid-19”.

Mato Grosso do Sul vivencia um caos na saúde, por isso começou a transferir pacientes para outros Estados. Inclusive, nesta manhã, oito douradenses que aguardavam vagas de UTI/Covid-19 foram encaminhados para Porto Velho (RO), após pactuação entre os governos.

Desde o início da pandemia, o Estado registrou 857.254 notificações, 545.243 foram descartados e 4.613 amostras estão em análise no Lacen (Laboratório Central de Mato Grosso do Sul). Outros 9.307 casos permanecem sem encerramento pelos municípios.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Deodápolis - MS Atualizado às 18h25 - Fonte: ClimaTempo
28°
Pancada de chuva

Mín. 21° Máx. 30°

Sáb 23°C 19°C
Dom 25°C 18°C
Seg 26°C 17°C
Ter 30°C 16°C
Qua 32°C 18°C
Horóscopo
Áries
Touro
Gêmeos
Câncer
Leão
Virgem
Libra
Escorpião
Sagitário
Capricórnio
Aquário
Peixes
Enquete
Anúncio
Anúncio