Segunda, 19 de Abril de 2021 18:49
(67) 99607-2306
Geral Geral

Garras inaugura Centro de Treinamento Tático e comemora 30 anos de história

Destinado a oferecer treinamento para agentes de todas as forças de segurança do Estado, o novo Centro de Treinamento da Delegacia Especializada de...

05/03/2021 19h42 Atualizada há 1 mês
Por: Redação Fonte: Secom Mato Grosso do Sul - Luciana de Sá Brazil
Saul Schramm
Saul Schramm

Destinado a oferecer treinamento para agentes de todas as forças de segurança do Estado, o novo Centro de Treinamento da Delegacia Especializada de Repressão a Roubo a Banco e Assaltos e Sequestros (Garras) foi inaugurado na manhã dessa sexta-feira (05), em Campo Grande. Além de ser um dos mais modernos do país e já ter se tornado referência, o Centro vai oferecer aos policiais o treinamento de entradas táticas e verticais em situações de crise, quando são necessárias manobras altamente qualificadas.   

Durante a inauguração do Centro Tático, o Garras também comemorou 30 anos de história em Mato Grosso do Sul. Foram homenageados com  outorga da moeda comemorativa policias que fizeram parte da corporação.   

O novo Centro de Treinamento será destinado especificamente ao Combate em Ambiente Confinado (CQB – Close Quarters Battle) e, conforme o layout modular do espaço, inúmeras possibilidades de embate podem ser reproduzidas.

A estrutura conta também com uma torre de rapel, uma das maiores do Centro-Oeste, que será utilizada para desenvolvimento de técnicas de escalada e rapel. Dessa forma, será possível proporcionar vasto conhecimento de procedimentos, garantindo eficiência e a segurança do agente.

Conforme afirmou, durante evento de inauguração, o secretário Estadual de Justiça e Segurança Pública, Antônio Carlos Videira, o local foi construído de acordo com as necessidades policiais. “Esse Centro de Treinamento é um sonho antigo de todos os policiais e será compartilhado com a Polícia Civil de outros estados e Polícia Militar. É um centro moderno, um dos mais modernos do país, e foi edificado de acordo com a necessidade do Garras, sempre ouvindo o policial que está na ponta, que adentra a esses recintos durante suas atividades”.

Para o delegado titular do Garras, Fábio Peró, o Centro, além de oferecer preparação, “irá unir as forças e somar as técnicas”. “O local tem diversas opções de layout e possibilita inúmeras configurações, o que possibilita reproduzir diversas situações. Ao menos, seis unidades federativas já pediram para conhecer as nossas instalações. Já somos referência no país. Ele (Centro de Treinamento) vem para unir as forças e somar técnicas”, disse Peró. O delegado afirmou ainda que oito policiais compunham o início "da trajetória de sucesso do Garras". 

A delegada geral adjunta, Rozeman de Paula, falou da satisfação profissional dos policiais que integram o Garras. "Estamos comemorando 30 anos de história e este Centro de Treinamento é a materialização de um sonho de tantos policiais que tiveram a honra de fazer parte do Garras. Quem ganha somo nós, a sociedade, que terá policiais mais capacitados e satisfeitos".  

Investimento

Além da capacitação, o Governo está proporcionando outros investimentos na segurança pública do Estado, como a modernização de prédios, entrega de equipamentos e viaturas. “Nós já temos 61% dos prédios revitalizados, desde o fornecimento de móveis a computadores e ar-condicionados. O governador Reinaldo Azambuja me disse hoje cedo que há recursos, não só para viaturas, mas para capacitação, dentro e fora do país, e que é possível buscar o que há de melhor no Estado, no Brasil e também em outros países”, afirmou o secretário.

Armas, munições, equipamentos de proteção individual, calçados de última geração, armas de longo alcance, miras opticas são algumas das melhorias que os agentes de Mato Grosso do Sul receberam nos últimos anos.

“Entre os investimentos está tudo o que for demando pelos grupos especializados, e não só pelo Garras, mas pelo Bope, pelo Choque e pelo DOF. Sem esquecer da Policia Civil e Militar que estão atuando na ponta. Quando nós adquirimos moto de qualidade, nós estamos, de fato, prestando um serviço à nossa população. Equipar o nosso policial, fornecendo a ele equipamentos, viaturas e capacitação é fundamental e temos essa garantia do nosso Governador de que isso continuará acontecendo, inclusive, em fina sintonia e parceria com o Ministério da Justiça e Segurança Pública”, disse o secretário Videira.

Durante 2021 serão entregues ainda 590 viaturas caracterizadas para Corpo de Bombeiros, Polícia Militar e Polícia Civil. Esses veículos serão empregados nas redes de atuação de cada órgão “Serão beneficiados a inteligência, Agência Penitenciaria e Coordenadoria Geral de Perícias”, explicou o secretário.

30 anos

Operando de forma comprometida com a segurança da população, o Garras elevou a nível nacional o seu padrão de atuação, segundo o secretário de Segurança Pública. "O grupo tem atuado não só na Capital e nas nossas divisas, mas também nas nossas fronteiras em operações críticas. Comemoramos 30 anos de história homenageando aqueles que ajudaram na construção do Garras. É  um marco importante para o Estrado e para quem está sendo homenageado. Pessoas que prestaram serviço à população, não só de Mato Grosso do Sul, mas também para todo o país. Nossa obrigação é render homenagem aos policiais que atuaram no Garras", descreveu Videira.

Pela primeira vez a comenda foi entregue às personalidades relevantes que fazem ou fizeram parte da história da Delegacia. A Moeda tem estampado em um dos lados o primeiro símbolo do Garras, de 1990, e do outro lado o símbolo atual. Foram três momentos de homenagens: para policiais da ativa, policiais aposentados e para familiares dos já falecidos Paulo Magalhães, Jorge Silva dos Santos (Jorginho) e Joel Benitez.

Jorginho, como era conhecido, trabalhou muito tempo no Garras e em junho do ano passado, quando estava lotado na Derf, foi assassinado junto com o colega Antônio Marcos Roque da Silva, quando transportava dois suspeitos em uma viatura descaracterizada.

Joel Benitez, que também trabalhou por anos no Garras, foi assassinado no ano passado, em agosto, ao reagir a um assalto em frente à casa da filha, no Jardim Leblon, em Campo Grande.

Paulo Magalhães, que foi delegado do Garras, já estava aposentado quando foi fuzilado, em junho de 2013, em frente à escola da filha, no Jardim dos Estados,  também na Capital.

Luciana Brazil, Subcom 

Fotos: Saul Schramm

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Dourados - MS
Atualizado às 19h32 - Fonte: Climatempo
25°
Poucas nuvens

Mín. 18° Máx. 31°

25° Sensação
12.4 km/h Vento
34.7% Umidade do ar
0% (0mm) Chance de chuva
Amanhã (20/04)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 19° Máx. 32°

Sol com algumas nuvens
Quarta (21/04)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 18° Máx. 33°

Sol com algumas nuvens
Anúncio
Anúncio