Quinta, 03 de Dezembro de 2020 21:30
(67) 99607-2306
Politica Coronavac

Bolsonaro atravessa acordo e avisa que não comprará vacina chinesa

Decisão do presidente ocorre após o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, que havia assinado protocolo para compra das doses

21/10/2020 08h49
Por: Redação Fonte: Campo Grande News
Vacina está sendo desenvolvida pela China com o Butantan (Foto: Butantan/Divulgação)
Vacina está sendo desenvolvida pela China com o Butantan (Foto: Butantan/Divulgação)

O presidente Jair Bolsonaro (sem partido) decidiu atravessar o acordo firmado pelo Ministério da Saúde para comprar 46 milhões de doses da Coronavac, vacina contra covid-19 desenvolvida pela China em parceria com o Instituto Butantan.

“Alerto que não compraremos vacina da China”, avisou o presidente aos ministros.

A decisão de Bolsonaro ocorre um dia após o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, que havia assinado protocolo para compra das doses.

A Coronavac está em fase de testes e a eficácia precisa ser comprovada antes que o uso seja liberado pela Anvisa (Agência Nacional de Vigilância Sanitária). O Ministério da Saúde tem acordo para compra de imunizantes da AtraZeneca, do Reino Unido, e também da Covax.

A previsão do Ministério da Saúde era ter 140 milhões de doses no primeiro semestre de 2021. Com a Coronavac, serão 186 milhões de doses. 

 

Nenhum comentário
500 caracteres restantes.
Comentar
Mostrar mais comentários
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Dourados - MS
Atualizado às 22h29 - Fonte: Climatempo
24°
Muitas nuvens

Mín. 23° Máx. 30°

24° Sensação
6 km/h Vento
66.4% Umidade do ar
80% (22mm) Chance de chuva
Amanhã (04/12)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 21° Máx. 30°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Sábado (05/12)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 20° Máx. 26°

Sol com muitas nuvens e chuva