Sábado, 24 de Outubro de 2020 07:50
(67) 99607-2306
Esportes Futebol

Corinthians vence Bahia e alivia pressão no Brasileirão

Desfalcado, Coelho precisou lançar mão de opções da base alvinegra para superar o time de Mano Menezes

17/09/2020 08h32
Por: Redação Fonte: Joven Pan

Foram três jogos sem vitórias e ameaças de torcedores no último domingo. Nesta quarta-feira, o Corinthians conseguiu aliviar um pouco a pressão vivida pelo clube nas últimas rodadas ao derrotar o Bahia por 3 a 2, na Neo Química Arena, em partida válida pela 11ª rodada, e se afastar da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro.

O resultado fez o time pular para a 11ª colocação, com 12 pontos, e deixou o time de Mano Menezes com nove, na 16ª, beirando a degola.

Cheio de desfalques, Coelho precisou surpreender na escalação. O técnico apostou nos jovens Xavier e Roni, e deixou o time sem centroavante – Jô cumpre suspensão e Boselli está lesionado. Mateus Vital fez a função de “falso 9”, e Araos também trabalhou com as infiltrações na área.

O técnico também teve outro papel fundamental na vitória. O primeiro gol, marcado por Otero aos 16 minutos, saiu de jogada ensaiada. Fagner cobrou escanteio rasteiro para entrada da área, e o venezuelano chutou de primeira. A bola desviou em Gilberto e entrou. Foi o primeiro gol de Otero com a camisa alvinegra. O Bahia teve uma chance incrível de empatar com Élber, que recebeu dentro da área e chutou. Cássio saiu bem e defendeu, mas o rebote ficou com Gilberto, que finalizou sem goleiro e viu Danilo Avelar salvar na linha.

Se já estava satisfeito com a eficiência da jogada ensaiada, Coelho ficou mais ainda ao ver Roni ampliar aos 33. Aos 21 anos, o garoto formado na base do Corinthians recebeu da entrada da área, chutou e também deixou o seu. O Bahia não se abateu e reagiu rapidamente. Dois minutos depois de levar o segundo gol, descontou com Nino Paraíba. No rebote na entrada da área, ele chutou rasteiro, de longe e no cantinho de Cássio, que não conseguiu alcançar. Na sequência, Gilberto assustou com um cabeceio.

A partida continuou aberta no segundo tempo. Aos 15, o Corinthians marcou o terceiro com Gil, que aproveitou cobrança de escanteio de Fagner e cabeceou sozinho. O Bahia manteve sua postura ofensiva e descontou aos 43. Após cobrança de escanteio e desvio na primeira trave, Saldanha mandou para o gol. Os visitantes pressionaram no fim do jogo, que teve ainda seis minutos de acréscimos, mas não conseguiram empatar.

FICHA TÉCNICA:

CORINTHIANS 3 x 2 BAHIA

CORINTHIANS – Cássio; Fagner, Gil, Danilo Avelar e Lucas Piton; Xavier, Roni (Gustavo Mosquito) e Araos (Ramiro); Otero (Bruno Méndez), Everaldo (Léo Natel) e Mateus Vital (Sidcley). Técnico: Dyego Coelho.

BAHIA – Douglas Friedrich; Nino Paraíba, Ernando, Wanderson e Juninho Capixaba; Ronaldo (Rossi), Gregore e Jadson; Rodriguinho (Marco Antônio), Élber (Clayson) e Gilberto (Saldanha). Técnico: Mano Menezes.

GOLS – Otero, aos 16, Roni, aos 33, e Nino Paraíba, aos 35 minutos do primeiro tempo. Gil, aos 15, e Saldanha, aos 43 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO – Wagner do Nascimento Magalhães (RJ).

CARTÕES AMARELOS – Fagner, Araos, Ronaldo, Nino Paraíba, Xavier.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Dourados - MS
Atualizado às 08h49 - Fonte: Climatempo
26°
Pancada de chuva

Mín. 21° Máx. 31°

27° Sensação
16.6 km/h Vento
48.6% Umidade do ar
67% (10mm) Chance de chuva
Amanhã (25/10)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 21° Máx. 33°

Sol, pancadas de chuva e trovoadas.
Segunda (26/10)
Madrugada
Manhã
Tarde
Noite

Mín. 20° Máx. 27°

Chuva e trovoadas