Probel
Sicredi
Eliton - Diego Farma & Farma
Saúde

Influenza faz mais duas vítimas e número de mortes chega a cinco em MS

O Ministério da Saúde realiza a Campanha de Vacinação contra a Influenza e em Dourados, a mesma foi iniciada em abril e atingiu 58% do público-alvo, até a manhã desta quarta-feira (08)

08/05/2019 20h40
Por: Redação
Fonte: Dourados News

A Secretaria de Estado de Saúde informou que foram registradas mais duas mortes por Influenza, em Mato Grosso do Sul. Ao todo em 2019, a doença já fez cinco vítimas fatais no Estado. Os dados foram divulgados nesta quarta-feira (08), em boletim epidemiológico.

São quatro casos com vítima fatal por Influenza em Três Lagoas e um em Corumbá.

Até a semana anterior, conforme dados do boletim epidemiológico até o dia 02 de maio, o registro era de três vítimas fatais (duas em Três Lagoas e uma em Corumbá. As duas mortes confirmadas recentemente, com dados avaliados de 02 a 08 de maio, ocorreram na cidade do Bolsão sul-mato-grossense. 

O número de casos confirmados pela doença no Estado também subiu no levantamento recente.

Até a análise, com dados até 02 de maio, o total era de 12, sendo que no levantamento atual (dados até 08 de maio), o total é de 17.

Três Lagoas concentra quase a totalidade dos casos confirmados, com 16. O outro caso foi confirmado em Corumbá. 

Os casos notificados da doença em todo o MS somam 358. 

Prevenção 

Como forma de prevenção da doença, a SES divulga cuidados como higienizar as mãos com frequência, cobrir nariz e boca quando espirrar ou tossir, higienizar as mãos após tossir ou espirrar, evitar tocar mucosas de olhos, nariz e boca, não partilhar alimentos, copos, toalhas e objetos de uso pessoal, evitar aperto de mãos, abraços e beijo social, evitar, dentro do possível, ambientes com aglomeração. 

Vacinação

O Ministério da Saúde realiza a Campanha de Vacinação contra a Influenza e em Dourados, a mesma foi iniciada em abril e atingiu 58% do público-alvo, até a manhã desta quarta-feira (08). Os dados são do Núcleo de Imunização. 

As doses não são disponibilizadas a toda população, sendo apenas para grupos prioritários. São assim considerados: as puérperas (que deram à luz recentemente), trabalhadores em saúde, professores, população indígena com idade a partir de 6 meses, idosos com idade a partir de 60 anos, adolescentes e jovens de 12 a 21 anos que estejam sob medida socioeducativa, população privada de liberdade, funcionários do sistema prisional, além de pessoas portadoras de doenças crônicas não transmissíveis.

O Núcleo estima que a média de 76 mil pessoas devem se vacinar em Dourados. A campanha seguirá até o dia 31 de maio. As pessoas inclusas nos grupos prioritários devem procurar as Unidades Básicas de Saúde para receberem as dosagens. 

O dia "D" alcançou em média 15 mil pessoas em Dourados, no sábado passado (04). 

As vacinas trivalentes utilizadas no Brasil, contêm três tipos de cepas de vírus e imunizam contra H1N1, H2N3 e Influenza B.

Nenhumcomentário
500 caracteres restantes.
Seu nome
Cidade e estado
E-mail
Comentar
* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.
Mostrar mais comentários
Dourados - MS
Atualizado às 02h52
20°
Poucas nuvens Máxima: 34° - Mínima: 16°
20°

Sensação

5 km/h

Vento

47%

Umidade

Fonte: Climatempo
Eliton - Construmil
Gi Atelier - Inst
Supremo Disk Chopp
Eliton - Escola Denise
Municípios
Nicolly Laços
Lanchonete Point
Mercearia Juninho
Últimas notícias
Comercial 101
Eliton - Auto Brilho
Mais lidas
Eliton - TEC
Eliton - HPM