domingo, 20 de janeiro de 2019
(67) 99607-2306
Esportes

09/01/2019 às 09h35

51

Redator

Deodápolis / MS

Após 50 dias de 'preparação', somente três estádios podem receber jogos do Estadual 2019
O prazo oficial de resposta do MP é de 30 dias, contudo, extraoficialmente dirigentes afirmam ter "acordos" com os promotores para conseguir tal liberação mais rápido
Após 50 dias de 'preparação', somente três estádios podem receber jogos do Estadual 2019
Lance do confronto entre Comercial e Novo, em 2015, no Estádio das Moreninhas (Foto: Arquivo/MS Esporte Clube/Nyelder Rodrigues)

Dia 19 de novembro de 2018, data em que os 12 clubes participantes da Série A do Campeonato Sul-mato-grossense de 2019 confirmaram a participação na competição. Hoje, 8 de janeiro de 2019, 11 dias antes da estreia, apenas o Laertão, em Costa Rica, o Ninho da Águia, em Rio Brilhante, e o Estádio das Moreninhas, em Campo Grande, estão liberados.

Mesmo com 50 dias para buscar o aval do MP (Ministério Público) para realizar partidas em seus estádios, a maioria dos clubes conseguiu enviar apenas nesta semana os laudos para análise da promotoria. O prazo oficial de resposta do MP é de 30 dias, contudo, extraoficialmente dirigentes afirmam ter "acordos" com os promotores para conseguir tal liberação mais rápido.
 
Porém, caso o promotor responsável estenda a análise até o limite do prazo, diversas partidas deverão ser remarcadas. As situações mais preocupantes estão no interior do Estado. Em Dourados, sede de Sete e Operário Atlético, o estádio Douradão sequer tem laudos prontos.
 
Além disso, o estádio é de responsabilidade da prefeitura, ficando sob jurisdição da Funed (Fundação de Esportes de Dourados), que teve seu diretor-presidente, Jânio César da Silva Amaro, exonerado em dezembro e, até agora, ninguém oficializado em seu lugar.
 
Já em Mundo Novo, a situação é incerta, já que não há informações na mídia local sobre o estádio Toca do Urso. A reportagem tentou contato com a prefeitura local, já que o espaço é do município, mas não conseguiu até o fechamento do texto.
 
Em Corumbá, os laudos estavam sendo confeccionados para serem entregues ao MP essa semana. Enquanto isso em Aquidauana, o presidente do Aquidauanense, João Garcia, afirma em declaração ao site Campo Grande News que o estádio Noroeste estava liberado. Porém, a informação não se confirmou, já que os laudos foram entregues apenas nesta semana à promotoria local.
 
Morenão
 
Considerado não só por dirigentes de clubes da Capital, mas também por cartolas da Federação e da TV Morena, detentora dos direitos de transmissão do Estadual, como palco maior do futebol sul-mato-grossense, o estádio Morenão também segue fechado para a realização de jogos, mesmo passados 50 dias da realização do arbitral.
 
Entretanto, como o Estádio das Moreninhas está liberado pelo Ministério Público, ele evitaria possível adiamento de jogos em Campo Grande caso o Morenão siga fechado. Adequações foram realizadas no palco da final de 2018 e os laudos entregues para o MP na segunda-feira (7).
 
Vale ressaltar que o prazo legal para mudança de local de realização dos jogos vence 10 dias antes da data previamente marcada. Para a primeira rodada, estão agendados para o dia 19 os duelos Comercial x Serc, União x Costa Rica, Sete x Águia, e Aquidauanense x Operário de Dourados. Já para o dia 20, devem jogar Novo x Urso, e Operário x Corumbaense, com transmissão.

FONTE: MS Esporte Clube

O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos o direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas. A qualquer tempo, poderemos cancelar o sistema de comentários sem necessidade de nenhum aviso prévio aos usuários e/ou a terceiros.
Comentários
Veja também
Facebook
© Copyright 2019 :: Todos os direitos reservados
Site desenvolvido pela Lenium